Problemas da boca

Os principais problemas da boca podem acontecer ao nível dos dentes (placas bacteriana, tártaro, mau hálito e cáries) ou ao nível das gengivas (gengivites ou periodontites).

Principais problemas dos dentes

icon-dente-1

Placa bacteriana

É uma fina película de aspeto mole, viscoso e cor amarelada, constituída por bactérias, saliva e restos de alimentos que aderem à superfície dos dentes e gengivas, sendo a principal causa de gengivites, cáries e mau hálito. A placa bacteriana deve ser eliminada diáriamente através de uma higienização oral adequada, caso contrário endurece e transforma-se em tártaro, que apenas poderá ser removido pelo dentista.

icon-dente-2

Cárie

A placa bacteriana liberta substâncias nocivas que atacam tanto o esmalte dos dentes provocando as cáries, como as estruturas de suporte provocando as gengivites. Um dente propenso à cárie é aquele que tem relativamente pouco flúor, orifícios pronunciados ou fissuras que retêm a placa bacteriana.

icon-dente-3

Mau hálito

O odor desagradável, caracterizado por mau hálito, provém da cavidade bucal ou através da respiração. Cerca de 90% dos casos de mau hálito tem origem na boca e podem ser provocados pela decomposição das bactérias provenientes dos restos de comida. Para prevenir o mau hálito é essencial fazer uma higiene oral cuidada e completa: escovar dentes e língua, usar fio dental e elixir bucal.

Principais problemas das gengivas

A gengiva é um dos tecidos de suporte dos dentes juntamente com o ligamento periodontal, o osso alveolar e o cemento. Ao conjunto chama-se periodonto.

Os problemas gengivas mais comuns são as gengivites e as periodontites e a sua principal causa é a placa bacteriana.

Gengivite

Inflamação das gengivas caracterizada por inchaço, vermelhidão, mau hálito ou por vezes sangramento. As gengivites tratam-se com uma higiene oral completa, que passa pela escovagem dos dentes, o uso de fio dentário e de um elixir. No entanto, é aconselhável a visita ao médico dentista ou higienista oral, para remoção de todo o tártaro que se acumulou nos seus dentes.

Periodontite (vulgarmente conhecida por piorreia)

Inflamação mais profunda que atinge a estrutura de suporte podendo resultar na perda de dentes. A placa bacteriana, pus e tártaro acumulam-se entre o dente e a parte interior da gengiva, o que dá início ao processo de destruição da estrutura de suporte do dente. Dá-se assim, a retração gengival e o consequente risco de perda do dente. O tratamento das periodontites, sendo uma patologia crónica, tem como objetivo eliminar a infeção e evitar que haja recidivas. Aconselha-se a remoção da placa bacteriana e do tártaro desde a superfície da gengiva até à zona mais profunda das bolsas periodontais, onde a doença está em progressão, após esse processo, existe a necessidade de uso regular de um elixir de tratamento.

Sinais de alarme de gengivites e/ou periodontites mais comuns

  • Gengivas inchadas e avermelhadas
  • Dor e desconforto das gengivas
  • Sangramento das gengivas
  • Aumento da sensibilidade ao frio
  • Mau hálito
  • Retração das gengivas
  • Mobilidade dentária